3º Meeting Nacional de Farmácia Clínica

Categoria: Geral | Publicado: segunda-feira, abril 29, 2019 as 11:11 | Voltar

DOCUMENTO

Instrução para elaboração dos trabalhos científicos do 3º Meeting Nacional de Farmácia Cínica - 2019

Instruções para Apresentação de Trabalhos Científicos (Pôsteres)

O Comitê Organizador do 3º Meeting Nacional de Farmácia Clínica convida a todos a enviar Trabalhos Científicos para apresentação na forma de pôster no evento, que será realizado no CREA/MS, Rua Sebastião Taveira, n• 272,Monte Castelo, Campo Grande - MS, nos dias 30 e 31 de maio de 2019.

INSTRUÇÕES GERAIS PARA INSCRIÇÃO DE RESUMOS

  1. Os trabalhos deverão ser originais. Não devem ter sido apresentados em sua totalidade em congressos ou jornadas, nem terem sido publicados em revistas, nacionais ou internacionais, em data anterior à realização do 3º Meeting Nacional de Farmácia Clínica.
  2. Somente serão aceitos como Trabalhos Científicos no evento os trabalhos acadêmicos ou profissionais que tenham alguma relação com a prática farmacêutica nos âmbitos da farmácia comunitária (drogarias, farmácias com manipulação e farmácias populares), logística, farmácia hospitalar, assistência domiciliar e assistência farmacêutica dos estados e municípios, de preferência na área clínica..
  3. O envio de resumos deve ser realizado por e-mail (meetingdefarmaciaclinica@gmail.com), sendo o(s) arquivo(s) identificado(s) com o nome completo dos autores e da instituição.
  4. IMPORTANTE: Cada resumo deverá, obrigatoriamente, vir acompanhado da inscrição de pelo menos um dos autores, mediante envio do nome completo e do CPF do inscrito, por e-mail, juntamente com o trabalho. O apresentador do pôster deve estar inscrito no Meeting.
  5. A Comissão de Pôsteres enviará e-mail confirmando o recebimento dos arquivos. Considere seu trabalho inscrito somente após a confirmação de recebimento. Esta confirmação não garante a aprovação do trabalho; este será analisado posteriormente.
  6. O prazo máximo de entrega será 30 de abril de 2019 à meia noite.
  7. Os trabalhos aceitos serão classificados em 2 categorias distintas, a saber:

7.1 Trabalhos acadêmicos (graduação e pós-graduação).

7.2 Trabalhos profissionais.

Cada categoria deverá ser classificada nas seguintes modalidades: Assistência Farmacêutica, Educação Farmacêutica, Farmacotécnica, Farmacovigilância, Gestão Farmacêutica, Seguimento Farmacoterapêutico, Farmácia Hospitalar, Práticas Integrativas e Complementares e Outras.

  1. O autor escolherá a categoria e a modalidade de submissão e deverá explicitá-la ao final do resumo. A Comissão de Avaliação de Trabalhos Científicos poderá propor alteração caso considere que o trabalho esteja mais adequado para classificação em outra categoria, com prévia consulta ao autor, que poderá decidir por manter o trabalho na categoria escolhida.
  2. O primeiro autor ou algum dos autores deverá estar presente fisicamente junto ao pôster nas datas e horários estabelecidos para a exposição, a serem definidos pela Comissão de Avaliação de Trabalhos Científicos.
  3. Os trabalhos deverão ter a seguinte formatação:
  4. Texto: deve incluir título, autores, instituições envolvidas, indicação de auxílio ou bolsa e o resumo do trabalho – o resumo não deverá exceder 30 linhas (incluindo as linhas em branco) -, com margem superior e esquerda de 3 cm e inferior e direita de 2 cm, em papel tamanho A4 (21 cm x 29,7 cm). No total o texto deve conter no mínimo 2.000 e no máximo 3.500 caracteres (com espaços).
  5. Fonte: “Times New Roman” no tamanho 12.
  6. Título: em letras MAIÚSCULAS, centralizado, com todas as palavras, sem abreviaturas e sem ponto final no título. Limitado a 100 caracteres, incluídos os espaços e sem abreviaturas.
  7. Autores: texto centralizado e itálico, sem negrito, abaixo do título, com nome completo e-mail para contato.
  8. Instituições envolvidas: em letra minúscula, relacionando com número(s) o(s) autor(es), quando mais de uma Instituição ou de um Departamento (Universitário) estiverem envolvidos.
  9. Espaço: simples. Entre título, autores, Departamento/Instituição e texto, deixar uma linha em branco, sem recuo de parágrafos; Salvar o resumo como arquivo PDF. Siga rigorosamente o modelo apresentado.
  10. Não colocar no texto do resumo palavras em negrito, apenas sublinhado ou itálico, e não colocar gráficos, tabelas, figuras, fotos e/ou referências bibliográficas e utilizar um único parágrafo (não deve haver mais de um parágrafo).
  11. Indicar, no fim do texto, apenas auxílio financeiro. Quando houver mais de uma agência financiadora, separá-las com ponto e vírgula.
  12. Os pôsteres deverão ser apresentados no modelo disponibilizado pela Comissão de Avaliação de Trabalhos Científicos do Meeting.
  13. Os resumos deverão ser redigidos em português, espanhol ou inglês, de forma contínua, sem subitens, apresentando: Introdução (com objetivos especificados), Métodos, Resultados e Conclusão. Para trabalhos apresentados na forma de relatos de casos a estrutura será a seguinte: Descrição do Caso, Avaliação, Intervenção e Conclusões.
  14. Os Resumos deverão ser redigidos com clareza, sem erros ortográficos e gramaticais, e dentro da formatação descrita nas normas, caso contrário, serão recusados. Não serão aceitos resumos que contiverem apenas propostas de trabalho ou que forem enviados fora das especificações descritas.
  15. Não serão aceitos resumos enviados por meio de fax ou correio. A confirmação de recebimento do trabalho será realizada no endereço eletrônico de todos os autores, por isso, é importante que os dados estejam corretos e sejam utilizados sempre os mesmos endereços eletrônicos.
  16. Cada autor poderá apresentar no máximo 3 (três) trabalhos e se um mesmo autor participar em mais de uma comunicação deverá escrever seu nome do mesmo modo em todas, para que seja identificado adequadamente no catálogo oficial dos trabalhos aprovados.
  17. Cada trabalho poderá conter no máximo 6 autores.
  18. Toda a correspondência da Comissão de Avaliação de Trabalhos Científicos será dirigida a todos os autores, que serão informados sobre a aceitação ou recusa do trabalho. A decisão será comunicada por correio eletrônico com confirmação de recebimento. É obrigatório possuir um endereço eletrônico.
  19. Trabalhos relacionados à pesquisa envolvendo seres humanos – pesquisa que, individual ou coletivamente, envolva o ser humano de forma direta ou indireta, em sua totalidade ou partes, incluindo o manejo de informações ou materiais – deverão seguir as determinações da Resolução nº 196/96 do Conselho Nacional de Saúde (CNS).
  20. A avaliação do trabalho será realizada pela Comissão de Avaliação de Trabalhos Científicos com base na originalidade, na clareza do texto, na relevância dos resultados, nos métodos utilizados, na aplicabilidade do trabalho e na coerência entre o objetivo e a conclusão do mesmo.
  21. Serão concedidos 02 (dois) prêmios: 1 (um) para o melhor trabalho profissional e 1 (um) para o melhor trabalho acadêmico.
  22. Trabalhos em que membros da Comissão de Avaliação de Trabalhos sejam autores ou co-autores poderão ser apresentados, mas não poderão participar do processo de premiação.
  23. Os resumos serão avaliados pela Comissão de Avaliação de Trabalhos Científicos sem identificação dos autores. Todos os trabalhos serão inscritos na modalidade pôster. Os autores de trabalhos selecionados serão comunicados sobre a aceitação até a meia noite do dia 15 de maio de 2019, assim como serão informados sobre o dia e o horário das apresentações, via e-mail.
  24. Os trabalhos científicos selecionados/aceitos deverão ser apresentados durante o evento no formato de pôster com as seguintes dimensões: 90 cm de largura e 120 cm de altura. O título deverá ter tamanho suficiente para ser visível a dois metros de distância, seguido do nome dos autores e suas respectivas instituições. O pôster deverá também apresentar o endereço para contato e, quando houver, a fonte de financiamento do trabalho.
  25. A critério da Comissão de Avaliação de Trabalhos Científicos, alguns trabalhos poderão ser escolhidos para apresentação oral em dia e horário a serem determinados e comunicados aos autores por e-mail, em data prévia ao evento.
  26. Será fornecido um certificado para cada autor e orientador dos trabalhos apresentados. Caso um dos autores ou o orientador não estejam presentes no evento, o certificado será entregue para o autor do trabalho que ali estiver representando o grupo (obrigatório a presença de pelo menos 1 autor ou orientador). Se o pôster não for afixado no local determinado por pelo menos um dia o certificado de apresentação do mesmo NÃO será concedido. Os trabalhos apresentados serão reunidos nos ANAIS do Congresso.
  27. ATENÇÃO: Os resumos serão publicados nos anais EXATAMENTE como foram enviados pelos autores, portanto, pede-se atenção máxima às normas e revisão ortográfica completa, sob pena de eventuais erros constarem na publicação.
  28. Os trabalhos vencedores de cada categoria selecionados pela Comissão de Avaliação de Trabalhos Científicos serão anunciados no local do evento, no período vespertino do dia 31/05/2019 (sexta-feira), e o prêmio será entregue para os autores/orientadores que estiverem presentes no momento do anúncio.

Informações sobre a apresentação de Trabalhos (Pôsteres): meetingdefarmaciaclinica@gmail.com

 

 (EXEMPLO de RESUMO) 

PROPOSTA DE PARALELIZAÇÃO DE UMA TÉCNICA DE MOSAICO DE IMAGENS APLICADA AO GEOPROCESSAMENTO 

Denys Gonçalves dos Santos (Acadêmico do Curso de Engenharia de Computação),

Amaury Antonio de Castro Júnior (Orientador).

E-mail: denys@glug.ucdb.br, amaury@ec.ucdb.br

 

Em laboratórios de geoprocessamento há uma utilização muito grande de imagens para representar áreas do perímetro terrestre. Infelizmente, existem algumas áreas que não podem ser totalmente fotografadas devido ao seu tamanho territorial, o que é resolvido através da técnica de mosaico de imagens. Essa técnica consiste na junção de várias imagens que representam, cada uma, uma subárea da qual se deseja fotografar. Para que a junção seja realizada, um dos pré-requisitos é que as imagens tenham em algum ponto uma área de intersecção. A partir das áreas de intersecção é que se define se uma imagem é uma extensão da imagem que se tem inicialmente. O mosaico de imagens pode ser feito de três maneiras: manualmente, semi-automaticamente e automaticamente. Na implementação de uma técnica de mosaico (manual, automática ou semi-automática) um dos principais problemas é o alto gasto de tempo e recursos computacionais, devido a grande quantidade de imagens que se queira agrupar e um grande número de comparações entre os pontos de controle. Uma das saídas para resolver o problema dos gastos computacionais é utilizar um ambiente paralelo para a execução do mosaico de imagens. Este trabalho foca o projeto e implementação de um ambiente paralelo para processamento de aplicações de mosaico de imagens. Especificamente, o trabalho apresenta a implementação de um ambiente paralelo denominado cluster de computadores. Um cluster é um conjunto de computadores interligados através de uma rede de comunicação de dados. Além disso, esse conjunto de computadores possui softwares de processamento paralelo que possibilitam executar aplicações computacionais com melhor desempenho. Dessa forma, um cluster possui comportamento comparável a um computador paralelo de alto desempenho com a vantagem de requerer um baixo custo de instalação e configuração.

 

Palavras-chave: cluster; mosaico de imagens; computação paralela.

Apoio: UCDB

Categoria: Acadêmica OU Profissional

Modalidade: Assistência Farmacêutica OU Educação Farmacêutica OU Farmacotécnica OU Farmacovigilância OU Gestão Farmacêutica OU Seguimento Farmacoterapêutico OU Farmácia Hospitalar OU Outros.

 

Publicado por: lucasj@ses.ms

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.